Gestão de desempenho e avaliação de desempenho: compreenda a diferença

2022-09-28T17:15:04-03:0028 September, 2022|Sem categoria|

Existe uma grande diferença entre a avaliação e a gestão de desempenho. Compreendendo as diferenças, irá conseguir um melhor planeamento dos processos e consequentemente obter grandes resultados. Veja como!

Otimizar o desempenho da equipa é uma tarefa fundamental para qualquer gestor desenvolver um negócio mais produtivo. Cada vez é mais urgente produzir com uma equipa eficiente e focada, e para isso a gestão de desempenho e a avaliação de desempenho são pontos-chave.

No entanto, é comum que exista confusão entre os termos. Muitos gestores não sabem qual a diferença entre os dois processos, e este desconhecimento impacta negativamente o negócio. Além disso, também desconhecem como ambos os processos se desenrolem, não contribuindo para que obtenham os melhores resultados dos seus colaboradores.

Esses dois processos são fundamentais para o acompanhamento e desenvolvimento de uma equipa de alta performance. Deste modo, os recursos humanos e a liderança devem conhecer e compreender como funciona cada processo.

Neste texto, procuramos sintetizar as informações mais relevantes acerca deste assunto. Através da leitura deste texto vai descobrir a diferença entre gestão de desempenho e avaliação de desempenho. Boa leitura!

O que é gestão e avaliação de desempenho?

Todo gestor concorda que o alto desempenho é fundamental para o sucesso do negócio. Mas, infelizmente, nem sempre é dada a prioridade e a importância devida. Para alterar este paradigma a gestão e a avaliação de desempenho devem ser consideradas como atividades prioritárias e que agregam muito valor ao negócio.

A avaliação de desempenho é um processo de análise com início, meio e fim. O objetivo é compreender o atual desempenho do colaborador e o quanto está distante do ideal (ou seja, o “gap” entre o real e o ideal). Para esta medição existem técnicas específicas de análise.

Através de sua aplicação é possível não só entender o perfil do colaborador, como também determinar a sequência das atividades que o departamento de recursos humanos terá que realizar no âmbito do processo de desenvolvimento dos colaboradores.

Diferente é a gestão de desempenho, pois trata-se de um processo contínuo e que não tem data para início ou fim. Este processo integra as fases de definição de objetivos, do controlo dos resultados e do feedback aos colaboradores, para que possam evoluir e melhorar a sua performance.

Em suma, podemos dizer que a avaliação de desempenho é uma parte importante da gestão de desempenho. E ambas são de extrema importância para a gestão estratégica das pessoas.

CTAs- 30 anos de SER

Quais as principais diferenças?

Mesmo sabendo que a avaliação de desempenho faz parte da gestão de desempenho, é possível identificar as principais diferenças entre ambas.

Prazo para início e fim

Na avaliação de desempenho, o processo de avaliação é mais rápido e geralmente é determinado quando se inicia e quando termina. Por norma, a avaliação de desempenho pode ser aplicada uma ou duas vezes por ano, e dá suporte a outros processos de RH como promoção, aumento salarial, atribuição de bonificações ou ações de formação.

Mas o mesmo não sucede com a gestão de desempenho, pois trata-se de um processo mais demorado e os resultados obtidos podem variar bastante conforme o colaborador. Mesmo que seja determinado um prazo, é sempre para o futuro.

De forma geral, podemos dizer que a gestão de desempenho é um processo contínuo. Para isso ela engloba diversos processos como Processo de Desenvolvimento Individual, programas de formação, desenvolvimento, mentoria e feedback.

Estágio no “ciclo de desempenho”

Imagine um ciclo de desempenho no qual o colaborador inicia com algumas competências e termina com outras, estando ainda mais apto para trabalhar. O processo de avaliação estaria sempre no início ou no fim do ciclo, procurando identificar a diferença entre o antes e o depois.

A gestão do desempenho ocupa-se do desenvolvimento do processo, uma vez que inclui os métodos de melhoria e alta performance.

Resultados bem estabelecidos

A avaliação é a determinação dos resultados obtidos, por essa razão, geralmente não integra metas ou objetivos previamente definidos. O seu principal objetivo é medir os resultados alcançados pelo seu colaborar ou equipa e fornecer ao departamento de RH os dados reais sobre o desempenho geral.

A gestão, por sua vez, depende de objetivos ambiciosos para que os profissionais sejam estimulados a alcançar os resultados esperados. Caso contrário, os resultados esperados ficam comprometidos.

Qual a importância dos dois conceitos?

Como é possível observar, os dois conceitos são bem diferentes — envolvem prazos, métodos e objetivos distintos. Mas na gestão diária são igualmente necessários e fazem parte de um mesmo objetivo: o desenvolvimento de uma equipa de excelência.

É impossível afirmar que é possível realizar uma boa gestão de desempenho sem a avaliação no início e no fim do processo. Deste modo, a empresa consegue determinar o que será necessário realizar para melhorar os resultados. Por outro lado, não faz sentido avaliar o desempenho da equipa se não existem processos para otimizar os resultados e garantir conquistas e sucessos mais ambiciosos no futuro.

Portanto, a vantagem da avaliação de desempenho é permitir que tanto a empresa como colaborador tenham o conhecimento dos seus pontos fortes e pontos de melhoria. Em contrapartida, a gestão de desempenho através destas informações cria planos de desenvolvimento para a equipa.

Assim sendo, podemos afirmar que ambos os conceitos, utilizados de maneira correta, garantem a construção de uma equipa de alta performance.

Concluindo

Agora que está mais esclarecido sobre as principais diferenças entre gestão de desempenho e avaliação de desempenho, é importante compreender como a tecnologia o pode apoiar em todo este processo para avaliar a equipa e criar objetivos ambiciosos. No entanto, o investimento na modernização do departamento de RH e na implementação de tecnologia é um facto chave.

Com mais de vinte anos de experiência no desenvolvimento de soluções para Gestão de Pessoas, a SER está capacitada para o apoiar em todos este processo. Se tiver interesse em conhecer os nossos produtos, não hesite em nos contactar e teremos todos o prazer em lhe apresentar a solução mais adequada ao perfil da sua empresa, acompanhando todos os processos de implantação e ajustando às necessidades da sua equipa.

Gostou do artigo? Aproveite para nos seguir nas redes sociais — estamos no Facebook e LinkedIn. E não deixe de assinar a nossa newsletter para receber os nossos conteúdos.

Compartilhar este Artigo

Leave A Comment

Go to Top