Outubro Rosa: a importância do engajamento do RH

2022-10-10T09:17:15-03:0010 outubro, 2022|Não categorizado|

O câncer de mamas afeta a vida de milhares de mulheres todos os anos, podendo inclusive levá-las à óbito. Entenda como o setor de recursos humanos é importante nas ações de conscientização à prevenção desse tipo de câncer, dentro das organizações, nesse artigo.

Infelizmente, o câncer de mama é o segundo tipo de câncer mais frequente no mundo. Em decorrência disso, desde 2002, no Brasil, o mês de outubro passou a ser o mês de conscientização da importância de ações de prevenção ao câncer de mama.

O outubro rosa, desde então, se estabeleceu como período em que empresas, governos e opinião publica se voltam para a importância de debater a necessidade das mulheres se tocarem e buscarem ajuda de especialistas caso notem alguma alteração nas mamas.

Surpreendentemente, o câncer de mama acomete também os homens. No entanto, são as mulheres as mais afetadas por ele.

Infelizmente, o número de mortes no Brasil em decorrência do câncer de mamas continua subindo. Esse aumento é decorrência do diagnóstico tardio, quando a doença se encontra em estágio avançado.

Com o intuito de chamar a atenção das mulheres para essa realidade, as empresas acabaram se envolvendo nessa luta e tem atuado de forma consistente nas ações de conscientização.

Sendo assim, no artigo de hoje, vamos falar da importância do engajamento do RH nessas ações. Além disso, vamos falar das ações que esse setor pode desenvolver para contribuir com a conscientização dentro dos espaços corporativos.

Quer entender melhor? Acompanhe com a gente.

Uma luta mundial

A luta pela vida de mulheres acometidas pelo câncer de mamas não se iniciou no Brasil. Apesar de ter chegado ao Brasil, timidamente, em 2002, com a iluminação rosa do Obelisco do Ibirapuera, em São Paulo, o movimento se iniciou no mundo na década de 90.

Durante a Corrida pela Cura, na cidade de Nova York, no ano de 1990, foi lançada aquela que seria uma campanha de importância mundial. Desde então, o movimento foi alcançando o resto do mundo, criando uma corrente formada por profissionais de saúde, empresas e governos, na busca da conscientização e investimentos em pesquisas para combate ao câncer de mama.

Aqui no Brasil, após 2002, em 2008, foi a vez do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, ser iluminado pela cor rosa. Desde então, outros estados foram se engajando no mesmo movimento.

Dessa forma, durante o Outubro Rosa, diversas campanhas são feitas para conscientizar as mulheres da importância do autoexame e da mamografia, para identificação precoce de possíveis sinais de câncer, em estágio inicial.

Além disso, a campanha amplia o acesso das mulheres aos serviços de saúde, com a oferta de exames gratuitos ou à baixo custo, durante todo o mês de outubro.

Outubro Rosa dentro das empresas

Dentro das organizações, o setor de recursos humanos tem papel primordial nas ações de conscientização do outubro rosa.

Afinal, a promoção de bem-estar, saúde e qualidades de vida das colaboradoras, é papel desse setor.

Sendo assim, o setor de recursos humanos deve empenhar forças no desenvolvimento de ações de endomarketing, que trabalhem a conscientização dos colaboradores.

Importante ressaltar que as ações de endomarketing não servem somente para conscientização. As informações ajudam ainda

  • no empoderamento de mulheres que já enfrentam o tratamento do câncer de mamas,
  • celebração àquelas que venceram a doença,
  • quebra de tabus e esclarecimentos de fake news,
  • além de trazer à tona a importância do apoio social e psicológico para as mulheres em tratamento.

O que fazer na prática

Certamente, qualquer informação que traga esclarecimento durante o outubro rosa, faz toda a diferença. Mas é possível ir além da simples informação e contribuir de maneira prática para a construção de conhecimentos nessa área.

Dessa forma, trouxemos aqui algumas ideias práticas, de como o RH pode atuar no outubro rosa.

1- Incentivo ao cuidado à saúde

É muito comum que as mulheres adiem consultas ao ginecologista e mastologista, por priorizar o trabalho e até a família.

Sendo assim, o outubro rosa é uma excelente oportunidade para a empresa promover o cuidado à saúde da mulher. De forma prática, isso pode ser feito através da liberação para consultas médicas e até o incentivo a elas.

Além disso, a empresa pode buscar parcerias com laboratórios, que facilitem o acesso aos exames de imagem, como mamografia e ultrassom das mamas, de forma gratuita ou com descontos.

Se a empresa oferece plano de saúde, pode facilitar a ausência das colaboradoras para consultas e exames.

2- Dress code rosa!

E por que não instituir um dia para que todos se vistam de rosa? Essa é uma forma de envolver todos os colaboradores na temática do outubro rosa.

Pode parecer uma bobagem, mas o simples fato de ter de explicar o motivo de trabalhar de rosa, pode fazer a diferença no quanto o colaborador entende a importância do tema.

3- Invista na conscientização

Em tempos de ‘infoxicação’ (excesso de informações), investir em informações confiáveis faz toda a diferença. Dessa forma, o RH pode incluir em suas ações pequenas informações e esclarecimentos sobre o câncer de mamas, através de e-mails, cartazes e mensagens.

Além disso, é interessante promover palestras com profissionais da área da saúde e abrir espaço para o compartilhamento de experiências e esclarecimento de dúvidas.

4- Incentive a doação

Uma das consequências do tratamento de câncer é a perda de cabelos. Para as mulheres, essa perda traz uma dor enorme, já que atinge sua autoestima.

Entretanto, diversas instituições trabalham com a produção e doação de perucas, pra mulheres vitimizadas pelo câncer.

Sendo assim, uma das formas do RH atuar no outubro rosa, é incentivando o corte de cabelo para doação. O cabelo pode ser direcionado a ongs específicas que trabalhem com essas doações às instituições de saúde.

5- Decore a empresa

Assim como o movimento no Brasil iniciou com a iluminação do Obelisco e do Cristo Redentor, uma boa forma de atuar no outubro rosa é iluminando a fachada da empresa.

Além disso, você pode colocar balões rosa e decorar os corredores ou as mesas dos colaboradores. Isso colocará a empresa na temática do outubro rosa, aproveitando o mês para criar essa consciência nos colaboradores.

A importância do outubro rosa, além da consciência à saúde

Certamente, investir nas ações de conscientização do outubro rosa, vão além do cuidado à saúde e bem-estar de suas colaboradoras.

Através dessas ações, a empresa demonstra sua preocupação com temais de grande relevância no mundo. Além de sinalizar que a presença feminina nas empresas precisa ser cuidada e valorizada.

Sobretudo, investir em ações que valorizem a saúde e bem-estar, cria no colaborador o senso de pertencimento e valorização, aumentando seu engajamento, motivação e produtividade.

Concluindo

Em suma, as ações do outubro rosa não alcançam somente as colaboradoras mulheres, mas as esposas, mães, irmãs e qualquer outra mulher que faça parte do círculo social dos colaboradores da empresa.

Sendo assim, investir no esclarecimento e nas ações práticas de apoio à prevenção e combate ao câncer de mama, é uma ação de responsabilidade social da empresa.

Cabe ao RH buscar informações confiáveis e disseminar conhecimento. Além de atuar de forma prática no apoio às mulheres, não só durante o outubro rosa, mas por todo o ano.

Incentivar o cuidado, prevenção e tratamento, é demonstrar cuidado pela vida!

Sendo assim, que tal proporcionar ao seu RH, tempo livre para atuar de forma estratégica nesse e em outros temas relevantes para sua equipe? Então é hora de automatizar os processos e otimizar as rotinas do setor.

Para isso, conheça a SER e nossa solução em gestão estratégica de pessoas. Entre em contato com nosso time de especialistas e entenda como a SER pode transformar o RH da sua empresa.

Gostou desse artigo e quer saber mais sobre gestão de pessoas? Assine nossa newsletter e receba toda semana os melhores conteúdos, diretamente em sua caixa de e-mails.

Compartilhar este Artigo

Deixar um comentário

Ir ao Topo